Instalação do Windows Server 2016 –

Print Friendly

Neste artigo vou compartilhar um pouco sobre a instalação do Windows Server 2016. Nada complicado, mas com algumas dicas essenciais para garantir que a instalação tenha um padrão seguindo as melhores práticas de mercado. Instalar o Windows é fácil demais.

Porém devemos levar em conta algumas considerações na preparação da instalação de um sistema que suportará determinada função na infraestrutura.  Quais os requisitos e métodos a levar em consideração ao instalar o Windows para as funções de:

  • Active Directory
  • Cluster
  • Hyper-V
  • Servidores de recursos de Infraestrutura como DNS/ DHCP

A Instalação básica do Windows Server 2016.

Sem muitos segredos e com poucos opções a instalação básico do Sistema Operacional Windows Server 2016 é bem simples. Veja o vídeo.

Modo Core

Como principais vantagens esse modo de operação oferece:

  • Menos uso de recursos
  • Menos serviços e recursos
  • Menos instalações de aplicativos de terceiros e outros.
  • Menos superfície de ataque
  • Menos reboot
  • Redução de atualizações em até 70%

Com relação a administração operacional do Active Directory diretamente executados nas regionais, recomenda-se que seja feito através das ferramentas de gerenciamento remoto (RSAT) e que seja criada uma política de gerenciamento baseada em Unidades Organizacionais. (RBA), concedendo assim direitos administrativos granulares aos administradores locais.

 

Active Directory

O Active Directory é o alicerce da infraestrutura de rede Microsoft. Sua instalação também é simples e direta e temos alguns pontos a considerar antes de iniciar a instalação.

Baseado no IPD o numero de controladores de domínio para cada 10.000 usuários é de 2 controladores.
Para cada 15 parceiros de replicação adiciona-se mais um controlador de domínio.

 ➡ Capacity Planning for Active Directory Domain Services

 ➡ Infrastructure Planning and Design 

Hardware

Espaço em disco mínimo:

  • 500 MB para os logs de transação do Active Directory
  • 500 MB para o compartilhamento do SYSVOL
  • 0.4 GB para cada 1.000 usuários (Aproximadamente 50GB)
  • 50% do espaço requerido/usado para cada domínio na floresta.

Memória.

Em termos gerais o DC depende mais de memória RAM para outras funções como DNS, Antivírus, backup e o próprio sistema do que para chamadas e leituras diretas do serviço de diretório.
Para os novos perfis recomenda-se o valor mínimo de 16GB de RAM para cada controlador de domínio, com exceção servidores com alto indicie de consultas DNS.

CPU
Baseado no Active Directory Sizer Tool e com as seguintes informações disponibilizadas:

Levando em consideração cerca de 102.752 usuários
Sendo 80% dos usuários ativos (simultaneamente no horário de pico).
Estimando cerca de 25 atributos estendidos.
Cada usuário sendo membro de 80 grupos
Com a senha expirando a cada 45 dias
Com 55000 computadores clientes e servidores
100000 outros objetos (Impressoras, Grupos, OUs, Contatos)
Com um plano de adicionar cerca de 100 novos objetos e modificar 200 objetos semanalmente.
Utilizando o DNS integrado ao ADDS e o DHCP com lease de 8 Dias.
Usando a varredura de objetos obsoletos a cada 7 dias.

A Microsoft propõe para cada servidor como o mínimo
Pentium III Xeon 933 MHZ com 2 ´processadores.

*Levando em consideração que o novo perfil de servidores deve proporcionar um valor muito além do que estipulado pelo padrão da documentação.